Qual o custo real da TI?

 em Gestão de TI

Promover a redução de custos é um dos objetivos das empresas que buscam manter a competitividade em um mercado complexo. Para isso, é preciso conseguir fazer mais com menos e, assim, se destacar da concorrência.

Para que essa redução seja realizada de forma eficiente, é necessário, em primeiro lugar, conhecer os custos da organização e depois analisar se os custos estão alinhados às necessidades de negócio.

Apenas dessa forma o gestor será capaz de tomar as decisões que possibilitarão o crescimento da empresa com uma redução de custo em cada setor, sem prejudicar a eficiência operacional.

Diante disso, você é capaz de dizer qual o custo real da área de TI em sua empresa? Ele é compatível às necessidades do seu negócio?

Continue lendo e descubra o que deve ser considerado um gasto e como calcular esse custo!

O que considerar como um custo?

As primeiras coisas que vêm à mente para qualquer gestor são os custos contábeis, contas de luz, água, computadores, salários e afins. Mas você já se perguntou se esses são realmente os únicos custos de um setor de TI?

Será que o custo da TI está envolvido com o custo do setor de vendas, por exemplo? Ou com o custo da logística?

Para responder a essas perguntas, precisamos visualizar a empresa como um corpo humano, onde a diretoria é o cérebro, os funcionários são os membros (braços e pernas) e a TI é representada pelas ligações nervosas de todo o organismo.

Se as ligações nervosas não funcionam direito, o organismo inteiro para!

Portanto, quando falamos em calcular o real custo da TI, estamos tratando de todos os fatores que devem ser levados em consideração quando a TI da sua empresa não funciona direito, não presta um bom serviço ao atender seus usuários ou não age proativamente para evitar problemas e falhas.

Não hesite em procurar ajuda de especialistas, faça uma consultoria para identificar quais falhas a sua empresa não está encontrando. Você pode se surpreender com o valor desse investimento e com o custo que essas falhas podem causar.

A terceirização de TI como solução

Uma das principais vantagens da terceirização de TI é sua capacidade de aumentar a eficiência das outras áreas e ir reduzindo custos no médio e longo prazo em todas as esferas da empresa.

A contratação de profissionais especializados consegue atuar na diminuição da ocorrência de problemas que levam à parada de áreas vitais para o atendimento dos clientes, produção de bens ou prestação de serviços.

Isso é possível graças à adoção de uma postura proativa que procura identificar e se antecipar a possíveis falhas. Esse é o diferencial do que chamamos de serviços gerenciados de TI.

Não pense que os serviços gerenciados de TI estão reservados apenas para as grandes empresas, por causa de seus custos. Muito pelo contrário! Esse modelo de terceirização se encaixa perfeitamente em pequenas e médias empresas, justamente por sua capacidade de prevenção.

O trabalho de uma empresa terceirizada de TI nesse cenário é o de fornecer não apenas um suporte reativo e pontual, mas o de planejar, instalar e manter funcionando um processo de trabalho que previna ocorrências, tenha resposta rápida e busque novas ferramentas focadas em otimização de tempo e redução de custos.

Gostou deste artigo? Não deixe de acompanhar nosso blog para saber mais sobre os serviços de TI e as soluções relacionadas.

Até a próxima!

 

Recommended Posts